1/2

Campos Físicos como Sistemas Multi-Anjos que Produzem Partículas Elementares.

Os campos físicos não são entidades separadas de Deus. Em vez disso, como o espaço-tempo, são entidades emaranhadas com Deus, que dependem incessantemente de Sua decisão de persistir em criá-las e transformá-las.

Os campos físicos quânticos são incorporados em um espaço-tempo e são representados como ambientes de software onde populações de anjos têm comportamentos entrelaçados para agirem em coordenação (veja Videos 1 e 2 para ilustrações).

Video 2: Ilustração de um modelo teórico de um campo. No exemplo miriades de anjos atuam em coordenação para produzir um campo bidimensional com periodicidade. As cores representam os estados década anjo. O campo físico é o resultado da interação entre o sistema multi-anjos e a rede semiótica que forma o espaço-tempo.

Video 1: Ilustração do conceito de sistema multi-anjo flutuando acima de uma rede semiótica. Quando são acoplados a uma rede com interação coordenada, produzem campos de força e partículas elementares.

Anjos são agentes-programas criados e executados por D* em uma rede semiótica. Estamos desenvolvendo modelos de sistemas multi-agentes interagindo dentro de um ambiente de software para produzir vários tipos de campos de força.

Alguns campos sob condições determinadas podem produzir partículas elementares como elétrons e quarks (férmions) que interagem através da emissão e absorção de anjos que são portadores de força (bósons).

Nossa abordagem unifica as teorias do campos físico e a Cabalá metafísica, ampliando o escopo da teoria quântica de campos moderna para incluir outros campos físicos além daqueles observáveis em nosso Universo.

Você pode colaborar com o Instituto Gur Aryeh. Veja como.

Projeto Alep-Tav

Gur Aryeh Institute for Research and Education, Inc.